Agosto dourado: a campanha de conscientização sobre a amamentação materna

agosto dourado

Neste mês comemoramos o Agosto Dourado, uma campanha de incentivo à amamentação materna, que teve sua origem em 1991, num encontro em Nova York, entre a Organização Mundial da Saúde (OMS) e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), com o objetivo de acompanhar o nascimento da Declaração de Innocenti (documento voltado para a amamentação) e elaborar ações mundiais, para conscientizar sobre essa nova causa.

No início, pensou-se em um dia para celebrar a data, depois em uma semana, a Semana Mundial do Aleitamento Materno (SMAM), que ocorre de 1 a 7 de agosto em vários países.

Em 2017, o Congresso Nacional Brasileiro, sancionou uma Lei, determinando que agosto deve ser considerado como” O mês do Aleitamento Materno. O nome foi escolhido porque a OMS, considera o leite materno como “O alimento de Ouro” para a saúde das crianças. Assim a cor dourada sempre esteve presente em diversas formas dessa campanha.

Por que incentivar a amamentação é tão importante?

Celebrar o Agosto Dourado é fundamental para reduzir os níveis de mortalidade infantil e proteger as crianças.

O leite materno é um alimento completo, composto de tudo que o bebê precisa até os 6 meses de idade, para crescer bem e saudável, pois contém em sua composição: água, gorduras, proteínas, vitaminas e açúcares.

O primeiro leite que a mãe produz após o parto, “O Colostro” é tão importante para o bebê que é considerado a primeira vacina do recém-nascido. Ele protege a criança de infecções, ajudando na digestão e na limpeza do sistema digestivo do bebê.

Muitos outros benefícios são atribuídos à amamentação:

  • Redução nos níveis de mortalidade neonatal;
  • Apresenta em sua composição anticorpos que protege a criança de infecções respiratórias, gastrointestinais, alergias e outras doenças;
  • O ato de amamentar fortalece os laços de amor entre mães e bebês;
  • A sugação ajuda no desenvolvimento: da arcada dentária; da fala e da respiração do bebê;
  • É um alimento de fácil digestão e está sempre na temperatura certa;
  • Para as mães, contribui para a perda de peso, a diminuição na incidência de câncer de mama e de ovário.

Segundo a Organização Mundial da Saúde – OMS, crianças e jovens que foram amamentados quando bebês, têm menos chances de apresentarem obesidade, mantendo-se mais protegidos contra problemas respiratórios e alérgicos.

A Amamentação é ato de amor, um momento sublime que exige ambiente acolhedor; perseverança; concentração e o fundamental apoio familiar, para a superação de alguns desafios de rejeição e adaptação do bebê. A ansiedade e o stress da mãe são comuns nesse novo momento na vida.

A Ô Insurance apoia o Agosto Dourado para que cada vez mais as mães sejam conscientizadas da importância do aleitamento e mais crianças sejam beneficiadas por esse “Alimento de Ouro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + dezessete =

Rolar para o topo